energia

Exercício para atrair aquilo que você deseja

Você sabia que eu fui bancária por quase 15 anos? Se não sabia, vale à pena dar uma espiada no post em que eu conto como larguei a carreira pública para empreender. Pois é, eu trabalhei numa agência por pouco mais de 2 anos, e já foi o suficiente para saber que não era o tipo de trabalho que eu gostaria de fazer pelo resto da minha vida.

Decidi, então, que eu queria ser transferida para uma área interna do banco, no entanto sabia que essas transferências eram quase impossíveis. Sendo assim, inventei de escrever em um papel o desejo de ser transferida para um escritório, afirmando que eu era merecedora dessa mudança.

Todos os dias, antes de abrir o caixa, eu pegava esse papel e repetia mentalmente o que estava escrito. O que aconteceu a seguir foi impressionante. Aproximadamente 10 dias depois, enquanto eu estava trabalhando, ouvi o colega ao lado conversando com uma cliente, dizendo que seu filho estava trabalhando em um escritório do banco, mas que desejava pedir transferência para uma agência. Não tive dúvidas, interrompi a conversa, falei com o colega sobre a minha intenção, e pouco tempo depois consegui a transferência que eu desejava.

Depois dessa experiência, tive a certeza do poder desse tipo de mentalização. Por esse motivo, eu gostaria de propor a vocês o mesmo como exercício de atração daquilo que se deseja.

Então vamos lá:

Escreva sobre o seu desejo

Você pode anotar em um papel como eu fiz e abri-lo todos os dias, ou pode anotar em sua agenda, ou até mesmo no seu celular.

Lembre-se de repetir a afirmação todos os dias

O importante é ter clareza daquilo que você deseja e se esforçar para repetir para si mesmo(a) todos os dias. Você pode configurar um alarme para se lembrar, se for um caso. Se tiver a oportunidade de repetir a afirmação em voz alta, ou reescrevê-la, dizem que potencializa a materialização daquele desejo.

Atenção!

Sempre é bom lembrar o seguinte: Cuidado com o que você deseja, pois pode se tornar realidade!

Isso significa que vale a pena se aprofundar nas implicações de você realizar aquele desejo. Ou seja, vale a pena se perguntar: Eu estou preparado(a) para vivenciar essa experiência? Do que eu teria que abrir mão, caso realizasse o meu desejo?

Bom, é isso pessoal. Espero que tenham gostado do conteúdo de hoje. Fiquem a vontade para compartilhar, para curtir o vídeo lá no YouTube também e comentar!

Namastê 🙂

Você comemora suas pequenas vitórias?

O tema de hoje, “Você comemora suas pequenas vitórias?” surgiu através de uma sacada que tive, após receber um elogio em uma consultoria do SEBRAE.

A princípio pode parecer um tanto quanto narcisista comemorar por um mero elogio, certo? Porém, o fato é que, ao comemorar uma pequena vitória, estamos gerando um estímulo para seguirmos em frente.

No passado, era muito comum eu me pegar pensando da seguinte forma: só ficarei feliz na hora em que estiver perfeito. Aqueles que são perfeccionistas saberão bem como é pensar assim. Não há nada mais frustrante do que nunca alcançarmos as nossas próprias expectativas. E com a frustração vem o desânimo, a sensação de que não somos capazes, a paralisia!

Lembra o post passado, onde eu falei sobre a Lei da Atração? O terceiro passo trata-se justamente de “permitir-se”. Muito provavelmente o fato de não nos permitirmos comemorar uma pequena etapa do nosso processo, esconde a crença limitante de que “não merecemos, pois não somos bons o bastante”.

Que tal repensar isso para o seu próprio bem?

Incluindo na sua vida o hábito de comemorar as pequenas vitórias, você trará mais energia para o seu dia. Além disso, você estará fortalecendo sua vontade de superar os obstáculos, pois sabe que o aprendizado não está na conquista de um grande objetivo, e sim no processo até chegar a ele.

Namastê!